sábado, fevereiro 24, 2024
spot_img
HomeNotíciasPolícia Civil de Maricá prende dupla de estelionatárias

Polícia Civil de Maricá prende dupla de estelionatárias

Na quarta-feira (29), uma dupla de estelionatárias foi detida em flagrante pela Polícia Civil da 82ª DP.

As suspeitas, identificadas como Kettelen Layane Araújo Machado, de 21 anos, e Deisiane de Oliveira Barcellos, de 20 anos, foram presas enquanto praticavam o golpe da “prova de vida”.

As criminosas visitam a residência de aposentados ou pensionistas do INSS, alegando que a pessoa idosa precisa realizar a prova de vida para manter o recebimento dos pagamentos previdenciários. Sob esse pretexto, os supostos “funcionários” obtêm os dados da vítima e, de maneira fraudulenta, solicitam empréstimos em seu nome.

No caso em questão, a dupla entrou em contato com uma pessoa idosa residente no município, apresentando-se como “funcionárias” do INSS e utilizando camisas azuis da instituição. Após o primeiro contato, a idosa, desconfiada, dirigiu-se à 82ª DP (Centro de Maricá) para relatar o ocorrido aos agentes e solicitar orientação.

Os policiais civis instruíram a vítima sobre como lidar com as golpistas. Em seguida, a idosa recebeu novas mensagens pelo WhatsApp das criminosas, informando que iriam à sua casa para “atualizar seus dados” de maneira rápida, sem afetar sua rotina.

A vítima, acompanhada dos policiais, aguardou as estelionatárias em sua residência. Quando as golpistas chegaram, foram surpreendidas pela Polícia Civil, que as deteve em flagrante. Posteriormente, foram encaminhadas para a 82ª DP e, em seguida, para a Central de Flagrantes em Niterói.

A polícia constatou que os dados coletados das vítimas são repassados para uma central especializada em fraudes financeiras, envolvendo no mínimo três pessoas no crime. Além disso, os golpistas utilizavam ilegalmente o logotipo do INSS no WhatsApp.